Bolsonaro manda repórter calar a boca e diz que não interferiu na PF

O presidente Jair Bolsonaro mandou repórteres calarem a boca nesta 3ª feira (5.mai.2020) e disse que não interferiu na mudança da superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro.

“Canalha é elogio para a Folha de S.Paulo. O atual superintendente do Rio de Janeiro, que o Moro disse que eu quero trocar por questões familiares… Não tem nenhum parente meu investigado pela Polícia Federal –nem eu, nem meus filhos.

Uma mentira que a imprensa replica o tempo todo: dizer que os meus filhos querem trocar o superintendente. Para onde é que está indo o superintendente do Rio de Janeiro? Para ser o diretor-executivo da PF.